22 Anos ; Livros, Séries, Filmes & Músicas - : Contacto: culturadeescape@gmail.com


08 fevereiro 2017

A Luta e a Religião em The Masked Saint

Ficha técnica:

Título: The Masked Saint
Ano Produção & Estreia: 2016
Direção: Warren P. Sonoda
Duração: 111 minutos
Género: Ação ; Biografia;
País de Origem: Canadá
Classificação: ★★★★☆
 
Sinopse:
           Baseado em uma história real. Chris Samuels, um lutador profissional e pai de família, se aposenta dos ringues para se estabelecer em uma pequena cidade como pastor. Ao perceber os problemas criminais do local, ele decide colocar sua máscara de luta e atuar como um vigilante noturno combatendo a injustiça. Enfrentando crises na igreja e em casa, Chris precisa conciliar sua vida como pastor e como lutador.
 
Opinião:
           Nem tudo é o que parece ser, e The Masked Saint representa perfeitamente isso. Explorando a vertente religiosa de um pastor de nome Chris Samuels, a narrativa descreve o precurso do homem enquanto fio condutor da fé cristã, bem como a sua vida para além da igreja. Lidando com a mudança de paróquia, o pastor tem de encontrar seguidores para a sua comunidade religiosa, coisa que exigia muito esforço e dedicação, mas que consegue suceder com perspicácia e rapidez. Apesar de feliz com o que alcançou, Chris encontra a necessidade de voltar a lutar para poder manter a sua paróquia prospera.
           Lidando com a vida familiar, paroquiana e da luta "entre máscara" , The Masked Saint luta segundo os seus ideais de forma oculta, de modo a estabelecer uma sociedade mais justa e viável. Apesar de conseguir desaposentar-se das lutas, a comunidade começa a questiona-lo para os motivos das suas ações, exigindo que ele aja segundo uma pessoa normal, e não como uma estrela de luta.
           Um filme para pensar, numa trama em que une religião com a luta livre, faz-nos refletir acerca de esperança e segundas oportunidades. Baseando-se em fatos reais torna-se um filme mais "humano" no qual temos certeza de que tudo pode acontecer, desde que tenhamos esperança.

3 comentários:

  1. Se não estou a confundir, já ouvi falar deste filme, mas nunca o vi. Contudo, parece-me muito interessante!

    r: Muito obrigada *.*

    ResponderEliminar
  2. Tens sempre ótimas sugestões! =) Também não conhecia.
    Beijinhos

    ResponderEliminar